quarta-feira, 27 de julho de 2011

Pícara Sonhadora


Pícara Sonhadora

2001



Ludmila Lopes (Mila), é uma moça encantadora e muito batalhadora de classe média baixa que veio para São Paulo para trabalhar e estudar. Ao chegar à capital paulista, consegue um emprego na seção de brinquedos da loja Soles, pertencente à tradicional família Rockfield. Mila mora com seu tio Camilo, vigia noturno da loja, num pequeno quarto no último andar do prédio. Depois que a loja fecha, a moça aproveita para passear pela loja, utilizando alguns de seus produtos, como os livros de Direito da livraria, os produtos de beleza que ficam expostos, os lanches que come no setor de alimentos e até mesmo algumas roupas que pega emprestado. Ela acha que um dia vai poder pagar e, por isso, anota tudo o que consome num caderninho.



Seu sonho é terminar a faculdade de direito e ser uma advogada bem sucedida. Mas sua vida começa a se complicar quando Rosa, sua amiga que vive em Curitiba, resolve procurá-la em São Paulo. Ela, que era funcionária da filial da Soles, fugiu da cidade após roubar o dinheiro do caixa para tentar pagar um tratamento médico para sua filha doente. Assim é o início da trama.



Foi produzida e exibida pelo SBT em 2001. A novela foi a versão brasileira da novela original mexicana "La pícara soñadora" de 1991.
Bianca Rinaldi e Petrônio Gontijo eram os protagonistas da trama.

Um comentário:

  1. agora só falta o sacaro sonhador kkkkkk

    ResponderExcluir